Muita aventura de 21 a 29 Abril 2007 

2ª Edição  

Com 4 dias úteis => 9 dias inesquecíveis !

 

Fotografias da II Edição MARROCOS - DUNAS E OASIS (Abril 2007)

 

Veja as fotografias...

Fotografias da I Edição (Setembro 2006)

Veja as fotografias...

Percurso

1ºDia (21-04-2007)    Lisboa - Tanger 
Para quem viaje por terra o ponto de encontro será à saída de Lisboa, na estação de serviço Discovery à saída para sul da Ponte Vasco da Gama, seguiremos então quase sempre por autoestradas e vias rápidas até Tarifa, onde passaremos por Ferry para Tanger, onde pernoitaremos.

2ºDia (22-04-2007)    Tanger - Ouarzazate

Saída de Tanger, passagem nos arredores de Marrakech, para ir pernoitar em Ouarzazate no Hotel Le Zat ****

Com piscina e uma vista soberba sobre as montanhas deserticas do Anti-Atlas, este hotel dispõe de um amplo parque fechado e vigiado onde deixaremos os carros e os atrelados em segurança.

As motas devem ser retiradas dos atrelados, atestadas e colocadas em ordem de marcha para a partida na manhã seguinte.

3ºDia (23-04-2007) Ouarzazate - Foum Z'Guid

Pela manhã abandonaremos Ouarzazate de Moto4 para 5 dias de deslumbrante pista.

Ao longo do dia faremos a travessia do Anti-Atlas por pistas pouco utilizadas que ligam pequenas aldeias que sustentadas pelos seus luxuriantes oásis resistem à aridez destas belíssimas montanhas de outra forma absolutamente desérticas, num deslumbrante contraste.

Com 204km, maioritariamente rolantes, terá uma grande variedade de paisagens e de pisos, passagens interessantes, mas não terá grande dificuldade técnica. Pelo meio pararemos para o almoço em piquenique fornecido pela organização e faremos o reabastecimento das motas.

Ao final do dia chegaremos a Foum Z'Guid para jantarmos e pernoitarmos no pitoresco Albergue Iriki. O Albergue Iriki, o melhor alojamento da povoação, é um espaço muito simples e asseado que se tornou paragem obrigatória para quem aqui passa. O petisco tem encantado os viajantes... 

As motas deverão ser reabastecidas e colocadas em ordem de marcha e ficarão guardadas em espaço próprio e ao cuidado do estabelecimento, como aliás irá acontecer em todos os dias do percurso. É sempre ao final do dia que os veículos serão preparados para que pela manhã não haja atrasos na partida.  

4ºDia (24-04-2007) Foum Z'Guid - Mhamid

Abandonaremos a vila de Foum Z'Guid por pistas rolantes junto ao aeródromo onde uma avioneta despenhada serve de residência a uma família nómada. Sempre com a deslumbrante vista do Jbel Bani em pano de fundo faremos a travessia pelo meio do imenso lago Iriki para chegarmos ao Erg Chegaga, a mais extensa zona dunar de Marrocos, que atravessaremos, para do outro lado encontrar a margem do rio Drâa que nos acompanhará até Mhamid. 

Progredindo num terreno essencialmente arenoso as nossas Moto4s não terão a menor dificuldade em progredir por entre uma paisagem que se renova a cada curva, sempre deslumbrante. Na travessia do Erg Chegaga os participantes terão de respeitar escrupulosamente as indicações dos guias que ajustarão o percurso à experiência dos participantes e darão todo o apoio à transposição dos obstáculos.  Com 176km esta será a etapa mais técnica mas que estará ao alcance de todos consideradas as orientações que os guias darão passo a passo. Aqui, como em todo o percurso, circular-se-á a velocidade reduzida e ajustada a cada troço por forma a realizar o percurso em total segurança!

À saída de Mhamid espera-nos o aconchego do Hotel Chez Le Pacha, onde numa exótica mistura nos espera todo o conforto de um hotel, com uma refrescante piscina, bar e restaurante, mas desta feita os quartos são tendas típicas ou bivouaques...

Excepcionalmente o reabastecimento só se fará aos primeiros quilómetros do dia seguinte, aquando da passagem por Tagounite. 

5ºDia (25-04-2007)    Mhamid - Zagora

Pela manhã partiremos, por pista como sempre, para ao fim de meia dúzia de quilómetros fazermos um pequeno desvio para o reabastecimento programado e logo retomarmos a pista ao longo do rio Drâa até Zagora.

Chegados a Zagora ficaremos alojados no excelente Hotel Reda **** com 2 piscinas, campo de ténis e óptimas instalações para recuperar ao fim de mais um dia de deliciosa pista.

De realçar que estas pistas ao longo do Oued Drâa são pistas de acesso às populações e às suas culturas nos oásis e, na sua generalidade pouco concorridas, são nalguns pontos estreitas e recortadas por entre muros de adobe e vegetação, proporcionando momentos fabulosos de paisagem e condução em Moto4. 

Com uma extensão de 115 quilómetros esta será a etapa mais curta deixando espaço para uma visita livre à típica Medina de Zagora.  

 

6ºDia (26-04-2007)    Zagora - Agdz

Aos primeiros metros da etapa deparamo-nos com o imponente Jbel Zagora, monte despropositadamente alto que, súbitamente implantado numa planície, proporciona uma vista quase aérea sobre toda a região envolvente, largas dezenas de quilómetros em redor ( assim a visibilidade o permita! ).

Cá por baixo, sempre acompanhando o vale do Drâa, vamos encontrando pitorescas aldeias com as suas mágicas Kasbahs, por entre estradões e palmeirais que fazem as delícias de qualquer Moto4.

Há medida que rumamos a montante o bulício nestas pequenas aldeias aumenta e também a animação, o exotismo e o colorido das vestes típicas.

Cada vez os palmeirais estão mais verdes, a água mais abundante e as kasbahs parecem recordar um passado mais glorioso.

Por entre o cheiro da terra húmida dos palmeirais, por entre as ruelas de muros de adobe e estas gentes hospitaleiras, vamos progredindo de aldeia em aldeia, de palmeiral em palmeiral, para por volta dos 140 quilómetros chegarmos à pacata Vila de Agdz. 

Em pleno centro da vila o Hotel Kissane acolher-nos-á com a sua piscina e o seu conforto para um merecido descanso.  

7ºDia (27-04-2007)    Agdz - Ouarzazate

Como sempre partiremos pela manhã para mais uma desafiante etapa sempre plena de novas experiências, novas paisagens, novos tipos de condução sempre pelas margens do Oued Drâa. 

O terreno torna-se a pouco e pouco cada vez mais montanhoso à medida que penetramos no Anti-Atlas, até que ou abandonamos o Drâa ou entramos em asfalto até Zagorá... 

Seguramente, no asfalto não entramos!

Assim, após uma pequena ligação inevitável, cruzamos a estrada para oeste para entrar por um mar de fabulosos pequenos caminhos esquecidos pelo tempo e descobrirmos um atlas de pequenas unidades mineiras (familiares) abandonadas e de uma economia de subsistência em pequenos e poéticos oásis cada vez mais fustigados pelo aquecimento global. Uma preciosidade que, pelo que nos apercebemos junto dos operadores locais, muito poucos conhecem!

E é por estes fascinantes caminhos, que fomos recuperar especialmente para esta viagem, e que estamos certos vão fazer as delícias dos participantes, que chegamos ao verdejante oásis de Fint (este já turístico) e daí regressamos inebriados por cinco fascinantes dias de Moto4 ao nosso Hotel Le Zat em Ouarzazate.
Será uma etapa de 139 quilómetros que faremos por que termine cedo para possibilitar uma relaxante visita à acolhedora Ouarzazate, aos seus bazares, às suas esplanadas e à sua Medina. 

8ºDia (28-04-2007)    Ouarzazate - Tanger

Para os que rolam por terra será o dia de regressar a Ksar-El-Kebir, comendo uns bons petiscos pelo caminho.

Pela manhã faremos a travessia do Alto Atlas, desta feita iluminado pelo sol da manhã, com os seus deslumbrantes vales, as suas pitorescas aldeias, os seus monumentais picos e o exotismo das recordações que uma profusão de vendedores parece determinado em nos obrigar a comprar.

A tarde estará reservada às estradas rolantes e autoestradas que nos levarão, numa etapa longa mas sem demasiado esforço, de volta a Tanger onde pernoitaremos.  

9ºDia (29-04-2007)    Tanger - Lisboa

Bem cedo, embarcaremos rumo a Tarifa num dos primeiros Ferrys da manhã, para então nos entregarmos a vias rápidas e auto-estradas que nos conduzirão sem grande esforço, a Lisboa onde se espera chegar ainda com dia.

Formato

Esta expedição pressupõe que cada participante se deslocará de Lisboa a Ouarzazate, e de Ouarzazate a Lisboa, em veículo próprio e transportando em atrelado próprio o seu Moto4. 

Fará um percurso de  5 dias a circular no seu Moto4, em que a DRIFT assegurará o transporte de 1 mochila, de 20kg por participante, e fornecerá diariamente uma "Ração" para o almoço.

  

Notas: 

- Transporte de Motas:

a) Contamos poder transportar até 7 motas de participantes

b) A Rebosov disponibilizará atrelados duplos para aluguer

c) A Rebosov acordou fazer uma Campanha Especial para os participantes da expedição que pretendam adquirir atrelados de 2 e 3 motas (campanha válida até 15 Março 2007)

- Os acompanhantes poderão, durante os cinco dias do percurso em moto4, acompanhar em veículo 4x4 próprio, ou em veículos da organização. Neste último caso só cobraremos se o número de acompanhantes exceder o número de lugares disponíveis em viatura da organização. Quem estiver interessado em acompanhar convém avisar-nos atempadamente para que se possa encontrar as soluções mais adequadas ao número de acompanhantes. Os acompanhantes acompanham o veículo de apoio da organização que fará as ligações em regra por estrada.

Ficha Técnica, Datas e Tarifas

Partida Lisboa Sábado, 21 Abril 2007
Chegada a  Ouarzazate em Moto4 Sexta, 22 Abril 2007
Partida de Ouarzazate em Moto4 Segunda, 28 Abril 2007
Chegada Lisboa Domingo, 29 Abril 2007
Dias em Moto4 5 (23 a 27 Abril)
Dias de Viagem 9
Noites 8
Dias de férias (dias úteis no período) 4 (apanha feriado 25 Abril)
Deslocação de carro em asfalto 2 x 1422 km
Percurso em Moto4 775 km
Etapa média diária 155 km
O programa inclui

Alojamento em regime de meia pensão (jantar e pequeno almoço)

Organização do passeio

Transporte de bagagem durante percurso em moto4 (max.20kg participante)

Assistência durante toda a estadia assegurada pela DRIFT Adventure

O programa não inclui Ferry, combustíveis, transporte de pessoas ou motas, motas de aluguer, voos, bebidas (excepto água), despesas pessoais, almoços nos dias em deslocação Lisboa-Ouarzazate e Ouarzazate-Lisboa
Preço do programa por pessoa (quarto duplo) (3) 790 euros
Adicional quarto individual (3) 194 euros
Transporte de mota em atrelado da organização (3)(4)(5)

390 euros

Aluguer de atrelado para 2 motas Rebosov    (veja as Campanha Especial REBOSOV para participantes da Expedição Marrocos 2007)(3)

405 euros

(ou Condições Especiais na Compra)

Transporte de participante em carro da organização (3)(4)

240 euros 

Ferry Ida e Volta

Carro ( h<1,8m l<6m) 144euros (2)

Adulto 52,2 euros (2)

Atrelado pequeno (<=2m) 72 euros (2)

Atrelado grande (>2m) 144 euros (2)

Data limite de inscrição Aceitamos inscrições até ao dia 31 Março 2007, contudo condicionadas à realização das respectivas reservas, que é pouco provável que nessa data ainda se consiga fazer. Aconselhamos vivamente quem esteja realmente interessado em efectuar atempadamente a inscrição. Visto que teremos de assumir compromissos com os hotéis teremos de ser rigorosos com este prazo.
Acompanhantes dos participantes Os Acompanhantes poderão acompanhar o percurso junto aos veículos da organização. Se o fizerem em veículo 4x4 próprio, ou num dos lugares vagos nos veículos da organização, pagam apenas o valor normal da participação no programa. Se o número de acompanhantes obrigar a viaturas extra ter-se-á que fixar um montante relativo ao transporte durante os 5 dias do percurso.
Grau de dificuldade

BAIXO

O percurso não apresenta dificuldades técnicas de maior.

Na zona mais técnica (nas dunas) os guias apoiarão na transposição dos obstáculos e ajustarão o percurso ao nível dos participantes, havendo mesmo, no limite, a possibilidade de contornar as dunas por fora.

Os participantes deverão estar preparados para fazer uma média de 160km por dia, o que é em geral bastante acessível, mas que implica ainda assim alguma resistência. 

O esforço será equiparável a durante 5 dias consecutivos fazer sucessivamente os habituais passeios de 1 dia da QuadExplorer em Portugal.

Informação e contactos

Fax: 210 821 838

TM: 913 086 960

Notas:

1) Este valor pode sofrer alterações

2) Estimativa que pode sofrer alterações (não incluído no preço do programa)

3) Valores sem IVA

4) Limitado aos lugares disponíveis

5) Por questões de equidade o cálculo dos custos do ferry dos moto4s transportados em atrelado pela organização é feito somando o valor do ferry dos dois atrelados da organização e dividindo esse valor pelo número total de motas transportadas (à volta de 40€ / moto4)

Requisitos

Os participantes nesta expedição terão de preencher os seguintes requisitos:

  • Passaporte válido

  • Carta de Condução adequada

  • Experiência de condução de Moto4

  • Aceitar e respeitar as Regras definidas pela organização

  • Aceitar acatar e respeitar as orientações dos guias

  • Moto4 em bom estado de conservação e revisto para fazer 1000km de pista

  • Deverão preparar a mota para transportar:

    • Um jerrycan que assegure uma autonomia, em conjunto com o depósito da mota, de 190 km (mínimo). Em caso de dificuldade diga-nos para se encontrar uma solução.

    • Farnel e barras energéticas

    • Água qb (recomenda-se um camel back)

  • Veículo e reboque em bom estado e revisto para 4000km de estrada

  • Livretes e Títulos de Registo (mota, carro e reboque)

  • Se o registo não for em nome do participante necessita declaração bilingue reconhecida no notário e embaixada de Marrocos (mota, carro e reboque)

  • Cartas Verdes (mota, carro e reboque) 

Ver Folheto

Inscrições

A inscrição são limitadas e deverão ser realizadas no máximo até 31 Março 2007, o que não aconselhamos pois pode já não ser possível realizar todas as reservas necessárias inviabilizando a participação.

No acto da inscrição os participantes deverão pagar 30% do valor da viagem. 

Até ao dia 06 Abril 2007 deverão obrigatoriamente liquidar o remanescente. 

O Boletim de Inscrição pode ser descarregado a partir daqui ou pedido para um dos contactos.

Clique para descarregar Ficha de Inscrição

Para conhecer em detalhe as condições de prestação deste serviço recomendamos a leitura atenta das Condições de Participação.

Informação e inscrições para:

Mail:

Fax: 210 821 838

TM: 913 086 960

Descubra um Marrocos diferente em Moto4 !  

  é uma iniciativa da Alvará 65/2006 D.G.Turismo

Algumas destas actividades são organizadas em parceria com Agências de Viagens